Resiliência e esperança são instrumentos valiosos na luta por valorização dos trabalhadores

Servidores(as): estamos na reta final de 2021. Este é o último editorial do ano e uma oportunidade de refletirmos sobre os trabalhados realizados e os projetos para 2022. De início, quero agradecer a todos os companheiros pela confiança. Estamos no segundo ano de combate à pandemia e, mesmo assim, os Servidores seguem firmes, pois estiveram conosco e acompanharam nossas lutas. Deixo minha gratidão à confiança depositada, principalmente, pelo resultado vitorioso das eleições sindicais, em julho de 2021. Fomos reeleitos e isso reafirma o desejo do Servidor de Boituva pela continuidade dos trabalhos.

TEMOS GRANDES ESPERANÇAS EM 2022

Toda a diretoria do Sindicato tem expectativas positivas para um ano de avanços aos trabalhadores, pelo fim da pandemia, reconhecimento do esforço e resistência contra os ataques rasteiros do Governo Federal, inclusive atuaremos pela erradicação das políticas de sucateamento do setor público. Podemos sim ter esperança de um ano de vitórias. Somos Servidores e, mesmo em meio ao caos, a Educação, a Saúde e muitos outros serviços se reinventaram e mantiveram a cidade em funcionamento, graças aos valorosos serviços prestados pelo funcionalismo municipal.

Todos seguiremos em frente, pois o STSPMB é uma entidade de luta. Nossas ações permanentes são por valorização, respeito, ganhos reais e, especialmente, para que o funcionalismo da cidade seja o melhor possível. Com o seu engajamento, companheiro, 2022 será um ano de muitas conquistas! Agora, em dezembro, teremos o fim da vigência da Lei Nº 173/2020 (lei do congelamento de salários) e isso trará a oportunidade de negociação com a Administração e avanços concretos ao coletivo.

UNIDOS SOMOS MAIS FORTES!

Edilson Humberto Lopes é presidente do Sindicato dos Servidores de Boituva (STSPMB)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.